segunda-feira, 27 de maio de 2013

SIC lança-se na corrida ao programa mais parvo da televisão portuguesa

e entra em concorrência directa com a TVI, tomando-lhe a dianteira logo na primeira emissão, quase fazendo parecer A Casa dos Segredos uma coisa para lá de bestial.
E se um dia ao fazerem zapping (sim, zapping, porque na blogosfera nunca ninguém admite que vê programas merdosos...só viram por acaso um bocadinho quando estavam a fazer zapping, não é?) apanharem um vislumbre daquela coisa do Splash e se perguntarem: "Mas isto afinal serve para quê? Qual o propósito? Qual o objectivo? Terá isto um intento superior e iluminado?". A resposta é não. O programa não serve para absolutamente nada. É apenas uma exultação retorcida às nossas pseudo celebridades decadentes.
Cuidado. Dez minutos de visualização e o nosso cérebro mirra três milímetros.

De nada.

13 comentários:

Alma Perdida disse...

é verdade que não serve para nada. É esse o propósito. Só espero que o cloro transforme de vez o Castelo branco em homem ou mulher. Que se decida logo de uma vez :/

Bernardo disse...

bem dito vale tudo

Rafa disse...

A minha curiosidade atingiu um nível de morbidez incrível. Estive a fazer outras coisas interessantes à hora do serão (tipo, lavar a roupa e pôr vestidos em cruzetas) e liguei a televisão apenas quando tinha terminado...e eu fiz algo de que me viria a arrepender minutos depois: eu andei para trás com a emissão na box do Meo exactamente para ver o que tinha perdido. Fiquei chocada com o valor zero que aquilo trouxe à minha existência.

Ana Ricardo disse...

É que nem tentei ver, pelos anúncios toda a semana já me bastou. Mas há sempre a tal da curiosidade mórbida e ainda caio em tentação no próximo fim de semana, só naquela de ter a certeza da nulidade que me parece ser essa coisa do Splash, tst!

mãe em fanicos disse...

oh eu perdi o salto do CasteBranco...
Tive pena...

Laura Ferreira disse...

eu gostava de os ver a todos com caimbras nos dedos dos pés.

S* disse...

Prefiro continuar ignorante.

Cantinho da Bê disse...

Eu fui lá espreitar, porque não conseguia sequer perceber qual a lógica da coisa. Vi dois ou três saltos (portantos, não foi zapping) e jurei nunca mais lá por os olhinhos.

Mak, o Mau disse...

Eu já dei a solução: tira-se a água, reforça-se o cimento e aquilo passa a ser serviço público.

Efrem Miranda disse...

Se obrigarmos os nossos filhos a verem aquilo, se por um lado emburrem progressivamente, por outro lado pode ser que percebam que ser "famoso", muitas vezes representa uma podridão das piores.

Petra disse...

Faço minhas as palavras do Mjak. mainada!

Nia disse...

vai ao retardador mas vai: o meu zapping não passa pela 3 nem pela 4 - é que não passa mesmo! passa pela 2, pelas TVCines, pelas Foxs e pela RTPN.
Cheers

mmm´s disse...

...parece o concurso Miss Portugal, agora no desfile em fato de banho!

http://www.lavarcabecas.blogspot.pt/