segunda-feira, 15 de abril de 2013

Bootcamp survivor



"Queres ir a um bootcamp amanhã? Preciso de saber já."
"Boot quê?"

E foi com  um nulo conhecimento do que era um bootcamp e uma acentuada queda para a estupidez, que selei o meu destino. Juntando isso ao facto de nunca ter tomado boas decisões sobre pressão, em três minutos reuni todas as condições necessárias para uma perfect storm. Se era para andar a brincar aos soldados, talvez devesse ter começado por um simples paintball, ou ter revisto o Oficial e Cavalheiro.
No entanto, e agora já sem o factor surpresa, estou tentada a voltar a experimentar isto novamente. Talvez daqui a três décadas, quando o meu corpo acabar de sarar...

7 comentários:

Bernardo disse...

nunca ouvi falar

alva quase transparente disse...

Sobreviveste para contar. É o importante :)

OutraMaria disse...

ja eperimentei..mas nao ´´e coisa que me atraia pelo menos a parte da corrida pois fiquei com os bofes de fora e dores musculares para o resto da semana :)

Laura Ferreira disse...

eu não gostava nada de ir.
nem que me pagassem...

Mary Brown disse...

Podias dar mais informação? Eu não faço a mínima ideia do que isso seja, vou passar pelo google.

anouc disse...

Mary, o bootcamp é um treino militar para civis. ;)

Ana Ricardo disse...

Ouvi dizer que isso é duríssimo!!