sexta-feira, 27 de maio de 2011

A minha amiga sicrana

tinha um problema de excesso de confiança nas pessoas. Eu percebia isso porque em tempos idos eu também fui assim. O meu lema era "Confia nas pessoas até elas te darem prova em contrário". Depois de bater várias vezes com os cornos nas paredes e outras partes do corpo (até acho que lasquei um dente à pala dessa porra), alterei o lema para "Confia nas pessoas quando elas te provarem que são de confiança". Tenho-me dado muito melhor com o segundo lema. Convenhamos que para alguma coisa teriam de servir os anos que vão passando por mim qual brisa leve. Meia volta ainda me engano, mas acho que mais uns anos de prática e chego à perfeição.

12 comentários:

Catsone disse...

Por acaso também uso o 2º e não me tenho dado muito mal.

Ricardo disse...

eu uso o contrário. "não confies nas pessoas até prova em contrário" xD

Malena disse...

Não é fácil manter essa postura mas é a ideal para não nos magoarmos!

Johnny disse...

A mim a vida tem-me ensinado que não existem regras suficientemente universais e universalizantes para tocar as relações e (todas) as pessoas. Se a segunda regra tem funcionado para ti, impedindo que apanhes desilusões e não te magoes, também pode ter funcionado de forma perversa, impedindo que tenhas sentido algumas das maiores alegrias da vida, que só acontecem quando arriscamos e nos deixamos ir.

Maria do Consultório disse...

Não duvides...Ao fim de 30 anos de marradas na parede, estou a começar a abrir a pestana.

Ana disse...

Same here! Exactamente o mesmo. Lá está, às vezes falho, mas a coisa há-de ir ao lugar!

Petra disse...

Realmente o lema que adoptaste é certamente o melhor....
Leva-se com cada bofetada fodasss e isto de dar a outra face é uma bela treta.

Bípede Falante disse...

Eu era do estilo confiança não se ganha, confiança se perde. Agora sou do estilo confiança para poucos e façam por merecer.
Credo. Virei uma cretina rs rs
beijos

Lima e Tequilla disse...

Eu usava quase sempre o 1º mas como já me queimei algumas vezes agora é o 2º e já vão com muita sorte...

pinguim disse...

Sou mais da opinião do Johnny; até prova em contrário...

Brown Eyes disse...

A idade traz mesmo conversas banais. Porquê? Porque não confias o suficiente para ter conversas profundas. Quanto mais lidas com as pessoas mais desconfiada ficas, principalmente quando as ouves falar dos outros. Se falam assim deles que pensam que é amiga, imagina de nós. Beijinhos

Elsa disse...

Também uso o 2.º Lema e mesmo assim às vezes levo com cada Chapada nas ventas que até Apita!