quarta-feira, 23 de fevereiro de 2011

Há pessoas que são como cães vadios

e uma pessoa sente curiosidade, ou pena. Oh ali para eles, oh tão sozinhos, tão abandonados, oh que ninguém quer saber... e os olhinhos, oh os olhinhos. E então "adoptamos" essas pessoas, não ligando ao facto de nada sabermos sobre elas, de onde vieram ou que percurso tiveram. Ignoramos a mesma vozinha que nos diz que não se deve dar uma festa a um cão desconhecido ou abandonado. Porque se o cão está sozinho e abandonado, deve ter passado um mau bocado e ter tido um percurso sinuoso e difícil Acima de tudo, tornam-se animais imprevisíveis. Tal como certas pessoas sozinhas (e/ou abandonadas). E depois, claro, quando menos esperamos vem uma dentada de boca aberta. E ficamos ali a olhar para a nossa mão a sangrar,  "Mas porque me fizeste isto?", o cão olharia de olhos esgazeados e fugiria de rabo entre as pernas. Uma pessoa apenas nos olharia nos olhos e diria "Porque não bato bem, ora... não se via logo?".

25 comentários:

Nokas disse...

Há pessoas assim...

Ana disse...

E isto agora podia-se aplicar a tanta coisa...! Mas sim, também fico (quase) sempre de pé atrás com quem me parece um cão vadio, sozinho e abandonado. É que se está sozinho, por algum motivo deve ser...

CoisasDaGaja disse...

Excelente comparação! E sim, há pessoas assim!

S* disse...

Gente que morde os outros e justifica o acto com a vida pobrezinha... esses então, há aos magotes.

Suspiro disse...

Sao os piores esses sozinhos e abandonados a precisar de festas!

LM disse...

O truque é pensar logo: "Está sozinho porquê?. Alguma deve ter feito!". ;)

sem-se-ver disse...

os caes vadios nao fazem isso nunca, a quem os recolhe e trata bem.

António Branco disse...

podemos ter algum cuidado. mas não é justo achar que nos vai morder à primeira. é que se pensarmos assim... teremos medo de que tudo nos morda... e não avançaremos...

Amelie disse...

lol concordo com @ sem-se-ver. Os cães vadios ou têm medo e fogem ou então, normalmente, são muito mais humanos do que uma dessas pessoas.

Petra Pink disse...

E isto acontece tanta e tanta vez.

Johnny disse...

Já disse "obrigado"!!!

Tulipa disse...

boa comparação :)

Brown Eyes disse...

Pois, quem manda ter coração? Um cãozinho abandonado merece tudo e não morde, sabes porquê? Sabe dar valor a quem lhe faz bem. Os cães abandonados são os mais meigos. Se um cão morde é porque alguém os ensinou a morder, um humano, ou porque alguém o enlouqueceu. Sempre alguém porque é sempre alguém que é mau e ensina a maldade. Essas pessoas são cobras, cobras disfarçadas.
Beijinhos

Cate disse...

truuuue. eu prefiro os cãezinhos, by the way.

A Paraíso disse...

Pois...prefiro os cães abandonados! Toda a reacção que possam ter (inicialmente) não é dissimulada, é medo apenas.

Elsa disse...

Há Canalhada dessa sim. Obrigada pelo aviso!

Briseis disse...

Quando era pikinina sonhava tornar-me veterinária e andar com uma carrinha cor-de-rosa toda almofadada e a cheirar a algodão doce a apanhar os canitos abandonados da rua... Nunca sonhei fazer o mesmo com as pessoas... Livra!

Manganet disse...

Pois eu também estou a gostar, por isso é que me pus a lê-los :p

Claudia disse...

Bom post!
Mas mil vezes os cãezinhos abandonados!

ana disse...

Gostei! Sigo (:

sem-se-ver disse...

(cheia de saudades da minha nina)

(nina=cadela vadia que recolhi e comigo viveu 15 anos)

(nunca me tratou mal. nunca me tratou mal.)

D* disse...

É preciso ter atenção às pessoas... E ao ler este post, fiquei ainda mais com essa noção.

Uma Rapariga disse...

ver até se via logo...mas dentro de cada um de nós há um pedacinho que por mais pequeno que seja, que também se sente abandonado e dói na alma ver o olhar de solidão nos outros, porque afinal é um reflexo nosso...e tentamos salvá-los de tal sofrimento, como se nos podessemos salvar também no processo.

ESpeCiaLmente GaSPaS disse...

E são tantos os motivos... falta de adaptação, problemas familiares, amorosos, vícios... Mas porque não dar uma oportunidade ao "cão", se calhar só precisa de mimo e atenção!

Da França disse...

Agora fez-me lembrar um episódio,a pessoa vai com todo carinho pensar que faz bem,livre de todas as maldades ou arrogância, e por vezes leva cada patada que deixa a pessoa nervosa de tanta maldade,só eu me compreendo mas revivi uma cena.